top of page
  • Foto do escritorPsicólogo Flávio Torrecillas

A Falta de Sintonia Emocional do Narcisista:

Muito do sofrimento que a vítima experimenta em relação ao comportamento do narcisista está relacionado à maneira como ele (não) lida com emoções.


Os narcisistas têm um relacionamento superficial com seus próprios sentimentos, tornando-os incapazes de reconhecer e lidar de forma consistente com as emoções dos outros. Eles tendem a desconsiderar o que a vítima sente, uma vez que não conseguem compreender plenamente o significado das emoções alheias.


A falta de empatia é uma das principais características da desconexão emocional. Para alguém que não está em sintonia consigo mesmo, torna-se quase impossível entender e respeitar os sentimentos dos outros. Para um narcisista, tristeza, insatisfação e depressão são meramente palavras.


O narcisista, devido ao seu idealismo perfeccionista, não consegue se identificar com emoções, especialmente aquelas consideradas negativas. Aceitar suas próprias vulnerabilidades, que são comuns a todos nós, não está em seu programa.


Ele rejeita ou ignora qualquer coisa que não corresponda à imagem de superioridade que ele tenta projetar, incluindo seus próprios sentimentos. Isso resulta em uma desarmônica dicotomia entre o que ele sente, pensa e faz, levando a constantes conflitos psicológicos e emocionais. Nessas batalhas internas, a vítima e suas necessidades se tornam ainda mais insignificantes para ele. Expressar descontentamento ao lado de um narcisista é como brincar com fogo. A vítima aprende a esconder seus sentimentos por medo do impacto que podem ter no narcisista.


A inconsistência das reações do narcisista é tão ampla que a vítima não pode prever se expressar sua insatisfação levará a uma resposta moderada ou extremamente negativa. Tudo o que não gira em torno dele é considerado irrelevante; as emoções e interesses da vítima se tornam secundários.

Por exemplo, a vítima chega em casa radiante após receber elogios de sua chefe por uma ideia que implementou no trabalho. Ela descreve a experiência com entusiasmo e detalhes, esperando compartilhar essa conquista com o narcisista.


No entanto, a expressão facial do narcisista permanece inexpressiva, não transmitindo aprovação ou desaprovação, o que deixa a vítima perplexa. A vítima fica ereta e ansiosa por qualquer sinal de reação positiva, mas o narcisista rapidamente desvia o foco ao dizer:


"Eu também tive várias ideias implementadas por minha chefia!"

A incapacidade do narcisista em reconhecer as emoções da vítima prejudica significativamente a identidade da vítima. Estar ao lado de alguém emocionalmente instável e inconsistente como o narcisista deixa pouca margem para explorar qualquer coisa que não atenda aos interesses do narcisista. As consequências danosas para a autoestima da vítima são numerosas.


Geralmente, ao analisar o comportamento narcisista, as pessoas se concentram nas características mais evidentes, como o antagonismo, o egoísmo e o egocentrismo, que são abundantes e óbvias. Entretanto, identificar essa carência emocional requer uma compreensão mais profunda e holística.


A maneira sutil pela qual o narcisista negligencia as emoções da vítima é tão prejudicial quanto suas demonstrações abertas de rejeição. A autonegação das próprias emoções causa sérios danos à autoestima e à identidade da vítima.

A autorejeição aumenta a raiva e intensifica a culpa que ela carrega. Com o tempo, a vítima começa a projetar seu próprio descontentamento em si mesma, muitas vezes sem entender o motivo.

O narcisista é uma contradição ambulante. Para alguém que idealiza a perfeição, a ausência de sentimentos faz com que o narcisista pareça um ser vazio e incompleto. Em sua busca obstinada por manter uma imagem perfeita, ele passa a vida negando sua própria humanidade.


7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

A Dissimulação do Narcisista: A Arte da Mentira

O narcisista faz da mentira seu hobby favorito, e ele não poupa esforços para enganar a vítima e todos à sua volta. Para ele, suas próprias vontades e desejos estão acima de tudo, e ele não hesita em

A Ausência de Compreensão do Narcisista:

A empatia é a habilidade de compreender e compartilhar os sentimentos dos outros. Pessoas comuns utilizam a empatia para expressar o amor e o respeito que têm uns pelos outros. A empatia fortalece os

Cortando Contato com o Narcisista:

Cada briga e discussão com o narcisista faz a vítima se sentir pequena, solitária e vazia. Ao contrário de pessoas equilibradas psicologicamente, o narcisista nunca pede desculpas por tratar alguém de

Comments


bottom of page