top of page
  • Foto do escritorPsicólogo Flávio Torrecillas

A Mãe Narcisista:

Uma mãe narcisista carece de empatia genuína, demonstrando incapacidade de se relacionar com o sofrimento dos outros. Egoísta e egocêntrica, ela evita reconhecer as necessidades emocionais dos que a cercam. Constantemente minimiza ou ignora o sofrimento de sua filha ou filho, enquanto busca atenção incondicional para satisfazer suas próprias carências.

Esta mãe narcisista exibe comportamento abusivo, acreditando que ser mãe lhe concede imunidade e privilégios especiais. Ela recorre a abuso psicológico, verbal e emocional para alimentar seu ego, incapaz de se amar ou aceitar. A filha, naturalmente buscando aprovação e amor maternos, torna-se vítima das manipulações da mãe, convencida de sua suposta inferioridade e da responsabilidade vitalícia por seu bem-estar.

Provocar conflitos é a especialidade da mãe narcisista. Constantemente insatisfeita, seja consigo mesma, suas ações ou outros, ela instiga desentendimentos desnecessários para aliviar seu turbilhão emocional. Raramente recorre ao diálogo ou entendimento, preferindo manter uma atitude intransigente, perpetuando a discórdia. Ela extravasa sentimentos conflitantes até que todos ao seu redor fiquem infelizes, proporcionando-lhe uma sensação de "paz" consigo mesma.

Esta mãe narcisista promove um distanciamento emocional, reconhecendo apenas seus próprios sentimentos. Devido a sua natureza egoísta e egocêntrica, ela é incapaz de estabelecer conexões emocionais autênticas, agindo de maneira fria e distante quando o assunto não a envolve diretamente.

Uma família com uma mãe narcisista geralmente se torna disfuncional, pois ela manipula todos para satisfazer seus próprios interesses, minando a união entre os membros. Ela utiliza jogos emocionais para favorecer o filho ou filha que melhor corresponder às suas vontades, provocando conflitos entre irmãos de forma sutil e amoral.

A mãe narcisista é a detentora da "verdade". Ela defende suas opiniões como incontestáveis, ignorando qualquer argumentação contrária. Mesmo que suas ideias sejam infantis e incoerentes, ela mantém uma postura inflexível, recusando-se a reconhecer erros de julgamento ou contradições em seu discurso.

A busca obsessiva por aparências é uma estratégia para compensar sua autoestima frágil e desconforto emocional. Ela investe na imagem como uma distração para esconder sua verdadeira essência e teme que outros vejam seus defeitos. A mãe narcisista se esforça em projetar uma imagem de sucesso, mesmo quando está emocionalmente perdida, deprimida e insatisfeita.

Esta mãe narcisista trata os outros com superioridade, sendo presunçosa e desvalorizando constantemente as contribuições e opiniões de sua filha ou filho. Ela busca constante afirmação externa de sua importância e, como resultado, não reconhece o valor do outro em seu relacionamento.

Finalmente, a mãe narcisista minimiza o sofrimento alheio, vivendo seu próprio drama pessoal, enquanto demonstra insensibilidade diante das dificuldades dos outros. Sua completa falta de empatia frequentemente leva a pessoa afetada a questionar sua própria validade e mérito na vivência de suas próprias emoções.

5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

TERAPIA É UM PROCESSO DE "CURA"

A terapia representa uma caminhada significativa em direção ao autodescobrimento e renovação pessoal. Este percurso, embora repleto de desafios, é fundamentado na dedicação contínua, na paciência para

Narcisismo Oculto e Mídias Sociais

Em nossa era digital, as mídias sociais se tornaram um espelho ampliado da sociedade, refletindo as complexidades, as belezas e, por vezes, as sombras de nossa natureza humana. Entre essas sombras, o

Comments


bottom of page