top of page
  • Foto do escritorPsicólogo Flávio Torrecillas

Lidar com o afastamento de uma pessoa narcisista é um processo complexo


Lidar com o afastamento de uma pessoa narcisista é um processo complexo
Lidar com o afastamento de uma pessoa narcisista é um processo complexo


Lidar com o afastamento de uma pessoa narcisista é um processo complexo, assemelhando-se a uma fase de luto profundo. Quando essa pessoa fazia parte do seu cotidiano, você compartilhava risadas, conversas triviais e momentos importantes da vida, criando memórias que, apesar de tudo, têm seu valor. Mesmo sabendo dos desafios emocionais dessa relação, parte de você ainda sente a falta dessa interação, pois havia uma sensação de familiaridade e, em alguns momentos, até de afeto.

No entanto, ao se afastar, você enfrenta a dura realidade de que a pessoa narcisista escolheu não estar presente de uma maneira saudável e apoiadora. A recusa dela em participar de sua vida de forma genuína e altruísta pode inicialmente causar uma sensação de vazio e abandono. Você pode se pegar querendo contar uma novidade, esperando por uma resposta que nunca vem, ou simplesmente desejando a companhia que uma vez pareceu tão reconfortante e até essencial. A ausência dessa resposta, essa falta de reciprocidade, pode ser um golpe doloroso para sua autoestima e bem-estar emocional.

Com o tempo, porém, você começa a se acostumar com a ausência. O processo é gradual e pode ser doloroso, marcado por altos e baixos, mas é também um caminho para a cura. Cada pequena vitória, cada dia em que você consegue enfrentar a realidade sem a influência negativa dessa pessoa, é um passo em direção à recuperação. Você aprende a viver sem essa pessoa, e cada dia sem o peso de sua presença tóxica se torna um pouco mais leve. Gradualmente, os momentos de tristeza e saudade vão diminuindo, dando lugar a sentimentos de alívio e liberdade.

Eventualmente, você chega a um ponto em que não sente mais a falta dela. Este não é um esquecimento, mas uma aceitação da sua nova realidade, onde você está livre para crescer e se desenvolver longe da sombra do narcisismo. Você começa a redescobrir suas próprias paixões, seus interesses e aquilo que realmente traz alegria e satisfação à sua vida. A energia que antes era consumida pelas manipulações e jogos emocionais começa a ser direcionada para coisas que realmente importam e que nutrem sua alma.

Afastar-se de um narcisista, então, apesar de desafiador, revela-se um ato de auto-cuidado e empoderamento. Você redescobre a alegria de ser você mesmo, sem julgamentos ou manipulações, e isso se torna uma fonte de força e renovação. Esse processo de autodescoberta e fortalecimento pessoal é crucial para que você possa construir relacionamentos mais saudáveis e significativos no futuro. Assim, cada passo dado em direção ao afastamento é também um passo em direção a uma vida mais plena e autêntica, onde você pode florescer e ser verdadeiramente feliz.

16 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page