top of page
  • Foto do escritorPsicólogo Flávio Torrecillas

O Narcisista e Seu Ciclo de Abuso Emocional

Quando um narcisista ainda está na convivência com sua vítima, ele inicia um processo chamado "Desvalorização". Uma vez que o narcisista percebe que conquistou completamente sua vítima, que esta se tornou viciada e dependente dele, ele inicia a SEGUNDA FASE do abuso emocional, que é a Desvalorização.


Nessa fase, o narcisista adota uma atitude emocionalmente fria. Gradualmente, ele se distancia emocionalmente da vítima, mudando seu comportamento sem motivo aparente. Isso deixa a vítima completamente confusa, incapaz de entender a razão de tantas mudanças. Nesse ponto, o narcisista aplica várias táticas de abuso, como o "tratamento do silêncio", críticas diretas ou veladas, culpabilização, manipulação, jogos emocionais e o famoso "Gaslighting". Além disso, pode demonstrar atitudes sádicas, punitivas e agressivas.

Essa fase de desvalorização é extremamente prejudicial para a autoestima da vítima. Com o distanciamento emocional, a vítima se sente perdida e começa a se questionar, culpar a si mesma e lutar para restaurar o relacionamento ao seu estágio inicial. No entanto, em vez disso, ela recebe mais distanciamento, indiferença e desprezo.

Em algumas situações, o abusador pode oferecer pequenas "migalhas emocionais" para confundir a vítima, antes de voltar à fase de desvalorização. Nesse cenário, a vítima testemunha o amor e a felicidade sendo substituídos por desprezo, dor e distanciamento emocional. Ela acaba aceitando abusos, humilhações e traições como normais, enquanto luta desesperadamente para manter o relacionamento.

A TERCEIRA FASE DO CICLO DE ABUSO EMOCIONAL É O "DESCARTE". O descarte é uma das fases mais dolorosas do abuso. Depois de sugar a energia vital, destruir a autoestima e despersonalizar a vítima, o narcisista simplesmente a descarta, tratando-a como lixo. Isso geralmente acontece sem explicação, sem demonstração de empatia, afeto ou remorso, características típicas de quem possui transtorno narcisista.

O término de uma relação com um narcisista é uma dor intensa, semelhante à abstinência de um dependente químico. É uma dor tão insuportável que muitas vezes leva à depressão e crises de ansiedade, exigindo ajuda de um psicólogo e um psiquiatra para superar o sofrimento emocional.

É importante observar que, na maioria das vezes, os narcisistas tentam reconquistar suas vítimas e iniciar um novo ciclo de abuso. Isso leva algumas vítimas a retornarem ao relacionamento, mesmo depois de terem sido descartadas várias vezes. O abuso só cessa quando a vítima decide se afastar do jogo. Para fazer isso, é crucial aplicar o "contato zero" e buscar ajuda profissional.

21 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

TERAPIA É UM PROCESSO DE "CURA"

A terapia representa uma caminhada significativa em direção ao autodescobrimento e renovação pessoal. Este percurso, embora repleto de desafios, é fundamentado na dedicação contínua, na paciência para

Narcisismo Oculto e Mídias Sociais

Em nossa era digital, as mídias sociais se tornaram um espelho ampliado da sociedade, refletindo as complexidades, as belezas e, por vezes, as sombras de nossa natureza humana. Entre essas sombras, o

Comments


bottom of page