top of page
  • Foto do escritorPsicólogo Flávio Torrecillas

O que é o verdadeiro e o falso "eu" de um narcisista?

Como, segundo alguns artigos psicanalíticos e psicológicos, o transtorno de personalidade narcisista é fruto de um trauma infantil. Suponho que é na infância que o narcisista cria, propositalmente ou ''intuitivamente" o Falso Eu.

Em geral, a família do(a) narcisista (certamente em noventa porcento dos casos, em estimativa informal) é uma família disfuncional. Por isso, o(a) narcisista cria o Falso Eu com a finalidade de ser mais agradável aos pais. O problema de toda a conjectura talvez surja justamente aí. Basta pensarmos que os pais nos remeterão a hereditariedade e, por consequência, associaremos a teoria inatista. No entanto, a relação ambiental da tenra infância é também com os pais.

Mas, tal ambientação, obviamente, nos levará para teoria ambientalista. É aí que o(a) narcisista, mostra a primeira fase. Em outras palavras, a criança é egocêntrica, mente mais que o normal para se autovalidar e tem um mau relacionamento com os "coleguinhas" (seja com os irmãos, primos ou demais parentes afins, seja da escola ou seja na rua em que habita). Tal comportamento acaba jogando muitas coisas nas costas do pais e isso é muito triste, no meu entender.

Acredito que conforme o(a) narcisista cresce, se desenvolve e vira um adulto (adulto imaturo, claro). Ele(a) vai matando o seu 'ego' genuíno e cria um ego fantasioso e completamente 'ideal' ao que lhe convém (já li artigos que dizem que há casos em que ele faz isso durante a própria infância e de forma rápida — pasmen). Este Falso Eu é a solução para seu imenso vazio, é a projeção de quem se relaciona com ele, é a projeção da sua imagem social ideal e bizarramente o Falso Eu do(a) narcisista é visto pelo próprio narcisista como "ele(a)" mesmo(a). Em outras palavras: o Falso Eu do(a) narcisista para o(a) próprio(a) narcisista é ele(a) próprio(a): somando-se às suas falsas conquistas, inclusive, somando-se a tudo que o vem a suprir; seja primariamente ou secundariamente.


Sobre o Falso Eu e outros transtornos:

"Outros acreditam que o narcisista sofreu algum tipo de abuso sexual na infância e por conta deste trauma, seu eu verdadeiro se estilhaçou em vários pedacinhos. Isso gerou uma personalidade com aspectos dissociados, fragmentada como um espelho rachado. Esse estilhaçamento do eu se assemelha aquele que ocorre em casos de pessoas com Transtorno Dissociativo de Identidade (múltipla personalidade).Cada pedacinho do espelho seria um aspecto de sua personalidade desintegrada. Então, a personalidade do narcisista funcionaria como um caleidoscópio. Seus fragmentos se alternam, aparecem e desaparecem. Ele mostra cada hora uma face, um “eu”, dependendo da situação." — sugiro assistir os filmes: Fragmentado e O Guia do Mochileiro das Galáxias.


Portanto, o Falso Eu do narcisista é:

→ Um ser perfeito, um ser que precisa ser perfeito, um ser que não pode jamais ter a imagem social arranhada, um ser que jamais pode ter sua máscara arrancada ou deixá-la cair acidentalmente, um ser que não pode sofrer qualquer dano (pois, um mínimo arranhão à imagem desse Falso Eu — já pode ser o suficiente para destruí-lo. Pois o Falso Eu É DE VIDRO e narcisista endeusa o Falso Eu e se vê nele.


"O narcisista é como um camaleão. Muitas pessoas do seu círculo não fazem ideia do que ele é capaz de fazer e dizer quando ninguém está olhando." .

É por isso que uma das formas de ferir o(a) narcisista, segundo dizem é ignorá-lo ou expô-lo.


Se você ignorar?

Se você ignorar um(a) narcisista ele(a) pensará: "Como pode a(o) fulana(o) de tal ter me esquecido sendo eu essa pessoa tão maravilhosa que eu sou (na verdade ele(a) construiu essa pessoa, né?). Como ela(a) ou sou fazer isso?" — isso gerará um conflito no(a) narcisista e, mais dia, menos dia, ele(a) pensará que o Falso Eu dele(a) não é tão ideal assim.


Ignorar um(a) narcisista é uma forma de destruí-lo(a), aliás, É A MELHOR!

Se você o expor?

Também é uma forma de destruir um(a) narcisista e arranhar diretamente sua imagem social e por consequência seu Falso Eu. No entanto, cuidado. Pois, você terá um(a) narcisista cheio de ódio e em fúria narcísica —.


Expor um(a) narcisista deve ser um ato de coragem. No entanto, também o destrói…


texto: via Andréquora;

20 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

A Dissimulação do Narcisista: A Arte da Mentira

O narcisista faz da mentira seu hobby favorito, e ele não poupa esforços para enganar a vítima e todos à sua volta. Para ele, suas próprias vontades e desejos estão acima de tudo, e ele não hesita em

A Ausência de Compreensão do Narcisista:

A empatia é a habilidade de compreender e compartilhar os sentimentos dos outros. Pessoas comuns utilizam a empatia para expressar o amor e o respeito que têm uns pelos outros. A empatia fortalece os

Cortando Contato com o Narcisista:

Cada briga e discussão com o narcisista faz a vítima se sentir pequena, solitária e vazia. Ao contrário de pessoas equilibradas psicologicamente, o narcisista nunca pede desculpas por tratar alguém de

Comments


bottom of page